7 benefícios de uma comunicação clara e objetiva

Clareza e objetividade. É fácil observar o quanto estes dois componentes são fundamentais em um processo de comunicação. Mas quais os seus impactos? Quais as consequências de uma comunicação clara e objetiva na performance de uma equipe? Este post tem por objetivo provocar uma reflexão mais profunda sobre estas questões. Fique atento a eventuais surpresas – talvez os benefícios sejam muito maiores do que você pensa!

Uma comunicação clara e objetiva é fluida

Clareza, objetividade e transparência

Imagine que você deseja observar os detalhes de um selo raro e antigo por meio de uma lente. Vamos supor que a lente esteja suja. Neste caso, é muito provável que você não consiga ver muita coisa. Caso a lente tenha um grau inadequado para a observação de objetos de perto, ela poderá dificultar a visualização do selo, certo? Em ambos os casos, haverá desperdício de tempo e energia.

Perceba que há uma comunicação visual a ser captada, cuja qualidade depende de alguns aspectos. No caso da lente suja, podemos dizer que a comunicação não é clara. No caso do uso de uma lente inadequada, podemos dizer que a comunicação não é objetiva. E é isto que normalmente vemos hoje nas empresas – inúmeros processos de comunicação que pecam pela falta de clareza e objetividade.

Desenvolva clareza e objetividade na comunicação

Comunicação clara e objetiva

Vejamos o outro lado – empresas que primam pela preocupação em desenvolver um processo de comunicação claro e objetivo! Quais são os principais benefícios?

1) Segurança: clareza traz a segurança que uma equipe necessita para executar atividades em alta performance. Uma comunicação objetiva amplia os níveis de certeza (ou da ilusão de sua presença), aumentando o potencial de engajamento da equipe.

2) Confiança: pessoas que se comunicam de forma clara tendem a construir um ambiente de alta confiança [Leia mais no post: Como se tornar um líder que inspira confiança]. Da mesma forma, quanto mais objetiva a comunicação, maiores as chances de se construir uma agenda precisa, minimizando potenciais interesses ocultos, interpretações tendenciosas e mal-entendidos – fatores que comprometem o grau de confiança dentro de uma equipe.

3) Eficácia nos processos: uma equipe com uma comunicação clara e objetiva tende a apresentar uma performance profissional superior na execução de suas atividades. A quantidade de retrabalhos é mínima e o comportamento nos momentos mais críticos e delicados tende a ser muito mais equilibrado.

4) Respeito: a clareza na comunicação permite que se saiba em detalhes o papel de cada um. Em um ambiente assim, há um amplo entendimento dos parâmetros de sucesso daquilo que precisa ser entregue. Isto faz com que haja um maior respeito entre as pessoas. Este respeito é fundamental para nos conduzir ao próximo benefício: a responsabilidade.

5) Responsabilidade: processos de comunicação claros e objetivos ajudam a moldar ambientes de grande responsabilidade [Leia mais no post: Iluminando caminhos]. Em um ambiente assim, há menos espaço para expressões do tipo: “Ah! Não entendo que isto seja minha responsabilidade” ou “Não foi isto que você me pediu”. As pessoas tendem a ir além e não há medo de intervenções, caso haja dúvidas. Uma comunicação clara não pressupõe ausência de dúvidas, mas sim uma predisposição para trata-las de forma equilibrada, aberta e sem medo.

6) Integridade: líderes que agem com integridade possuem uma preocupação como nível de clareza da sua comunicação. Estas características caminham juntas. Um comportamento íntegro transborda para atitudes que preservam a clareza da comunicação. Trata-se de um processo que se retroalimenta, permitindo o aprimoramento de comportamentos.

7) Inovação: um ambiente onde a comunicação é clara e objetiva tende a ser um terreno fértil para inovações. Inovar pressupõe abertura para que o ‘novo’ tome o lugar do ‘estabelecido’. E para que as pessoas tragam ideias e compartilhem pontos de vista, faz-se necessário um processo de comunicação permeado por confiança e segurança. A clareza e a objetividade na comunicação ajudam muito a fomentar um ambiente deste tipo. Equipes que monitoram processos de comunicação, treinam colaboradores e ajustam desvios tendem a ser protagonistas dentro da empresa por meio do uso da inovação na solução de seus problemas.

Uma comunicação clara e objetiva exige atenção

Clareza e objetividade são relativos

Ser capaz de desenvolver uma comunicação clara e objetiva é uma habilidade muito peculiar. Muitas vezes, o que é claro para uma pessoa pode não ser para um outro indivíduo. Algo que está claro agora pode não estar daqui a algumas horas. São conceitos que dependem de inúmeros fatores altamente subjetivos. No final das contas, comunicar-se de forma clara e objetiva tende a ser uma consequência natural do aprimoramento pessoal contínuo de virtudes como humildade, compaixão e generosidade [Leia mais no post: 7 dicas para se tornar um líder mais generoso].